All star chuck taylor 2 cena*

“The Handmaid’s Tale” é uma série incrível que provavelmente você não está vendo

Essa é a premissa de “The Handmaid’s Tale”, livro escrito por Margaret Atwood em 1985 (no Brasil publicado como “O Conto da Aia”) e transformado em série pelo serviço de streaming Hulu Com quatro episódios já exibidos nos Estados Unidos (são dez no total; nós assistimos aos três primeiros e recomendamos fortemente), “The Handmaid’s Tale” está fazendo o maior sucesso e gerando debates interessantíssimos por causa da sua premissa extremamente assustadora

(o Hulu não está disponível aqui no Brasil, então já sabe como vimos, né? RS mas a série será exibida no segundo semestre pela FOX Premium! ATUALIZAÇÃO – 2 de junho: a assessoria da FOX nos informou que não há mais previsão de estreia da série nos seus canais Premium)

A história da série é contada pela perspectiva de Offred, interpretada por Elisabeth Moss, a Peggy de “Mad Men” O nome da personagem já evidencia a opressão feminina – Offred é literalmente Of Fred, ou seja, “De Fred”; ela pertence a seu mestre, que no caso é vivido por Joseph Fiennes A esposa da família, Serena Joy, é Yvonne Strahovski (“Chuck” e “Dexter”) Mas Offred tinha um próprio nome antes, tinha uma família, um marido e uma filha Offred, antes, era JuneMargaret, ao longo do texto, responde trs questes que sempre perguntam para elaFicou interessado D um voto de confiana srie e assista sim, seja no segundo semestre ou dando seus pulos A gente garante que vale a pena.

Alternando cenas do presente com do passado, “The Handmaid’s Tale” vai mostrando pouco a pouco como a sociedade norte-americana foi se transformando As mudanças começam pequenas, aparentemente inofensivas, e depois acabam tomando proporções absurdas, resultando nessa nova realidade da América

Outras personagens importantes são Ofglen, interpretada por Alexis Bledel, a eterna Rory de “Gilmore Girls”; Moira, amiga de Offred, papel de Samira Wiley (Poussey de “Orange is the New Black”); e Luke, antigo marido de Offred, vivido por O-T Fagbenle (“Looking: O Filme”)

Já renovada para a segunda temporada, “The Handmaid’s Tale” vem colecionando elogios, alguns deles fazendo paralelos com o governo de Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos

James Poniewozik, do The New York Times, disse:

Anne Helen Petersen, do BuzzFeed News, falou:

A própria autora do livro escreveu um artigo para o The New York Times intitulado “Margaret Atwood sobre o que ‘The Handmaid’s Tale’ significa na era Trump” Margaret, ao longo do texto, responde três questões que sempre perguntam para ela:

Ficou interessado? Dê um voto de confiança à série e assista sim, seja no segundo semestre ou dando seus pulos! A gente garante que vale a pena